Café: exportações para China sobem 23% em 2019, diz Cecafé

shutterstock_749239126

Entre os meses de janeiro a maio de 2019, o Brasil exportou 88.179 sacas de café com destino à China, de acordo com o Conselho dos Exportadores de Café (Cecafé). Esses dados registram um crescimento de 23,1% nos primeiros cinco meses de 2019, em comparação com o mesmo período do ano passado.

Para o presidente do Cecafé, Nelson Carvalhaes, a abertura de novos espaços de café estimula o público jovem a consumir a bebida de várias maneiras diferentes. Com isso, o rápido desenvolvimento de grandes redes que vendem café nas cidades chinesas e o atrativo que isto gera nas novas gerações.

“Na Coreia do Sul, por exemplo, houve um boom na carreira de barista. Por conta disso, os setores públicos e privados do Brasil estão buscando desenvolver mercados na China. Queremos crescer no mercado de nosso parceiro comercial”, afirma o executivo.

Atualmente, o Brasil detém 38% do mercado global cafeeiro, com 300 mil produtores, fazendo do País o principal produtor e o maior exportador de café do mundo. De 2018 até junho de 2019, durante o período de safra, o Brasil exportou 41,1 milhões de sacas de café, 35% a mais face ao ano anterior.

Compartilhar:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *