CNA e parlamentares discutem políticas de renda para o café com ministra da Agricultura

Brasília (21/08/2019) – A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e a Frente Parlamentar do Café se reuniram na noite de terça (20) com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, para discutir ações para amenizar a crise de preços na cafeicultura.

Uma das principais demandas levadas pelo grupo formado por CNA e deputados e senadores foi a elaboração do Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro) na modalidade invertida. A proposta visa amenizar a atual crise de preço.

“No entanto, para que Pepro invertido seja concretizado, será necessário mudar a legislação existente, pois hoje não há esta modalidade prevista em lei”, explicou o presidente da Comissão Nacional do Café da CNA, Breno Mesquita.

A Frente Parlamentar do Café se comprometeu a construir um projeto de lei para propor a alteração na legislação atual. A intenção é que o PL seja trabalhado pela Câmara dos Deputados e Senado Federal, simultaneamente, para que tenha celeridade.

A líder do governo na Câmara, deputada Joice Hasselmann (PSL/SP), também participou da reunião e se comprometeu a buscar a tramitação da proposta em regime de urgência.

O setor anda bastante preocupado com o endividamento dos cafeicultores por conta dos baixos preços pagos aos produtores, relatou o presidente da Frente Parlamentar do café, deputado Emidinho Madeira (PSB/MG).

Para o deputado Evair de Melo (PP/ES), o cenário atual impossibilita que os produtores arquem com os compromissos financeiros já firmados.

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, comprometeu-se a articular os presidentes das principais instituições financeiras e do Banco Central para que o alongamento já previsto no Manual do Crédito Rural seja cumprido de fato.

Outro tema tratado foi a gestão do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé). Na avaliação dos parlamentares, diante do volume de recursos que o setor possui, os produtores de café não deveriam estar fragilizados da forma que estão atualmente.

Também participaram da reunião os senadores Antonio Anastasia (PSDB/MG), Rodrigo Pacheco (DEM/MG) e Carlos Viana (PSD/MG), que apoiaram os pleitos levados pelo setor.

Assessoria de Comunicação CNA
Fotos: Guilherme Martimon/Mapa

Compartilhar:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *