Conheça os cafés campeões do 16º Concurso Nacional ABIC de Qualidade do Café – Origens do Brasil – Safra 2019

Nova logomarca JC

Saiba as variedades, processos e características dos lotes vencedores e faça a sua oferta até o dia 12 de fevereiro.

Com recorde de amostras, o 16º Concurso Nacional ABIC de Qualidade do Café – Origens do Brasil – Safra 2019 chega à fase do leilão, com 15 lotes classificados por sua origem, espécie e qualidade. A disputa se iniciou no último dia 7 e acontece até o dia 12 de fevereiro, às 17h. O leilão é aberto a torrefadoras, cafeterias e demais pessoas jurídicas interessadas.

Os cafés finalistas desta edição passaram pelo crivo de um Júri Técnico, composto por provadores e especialistas cuja análise correspondeu a 90% da nota final, cabendo a  nota de Sustentabilidade da Propriedade os 10% restantes.

Todos os cafés foram avaliados sob a metodologia do Programa de Qualidade do Café ABIC – PQC, pelo Júri Técnico composto por Camila Arcanjo, do Grupo de Avaliação de Café-SP, Gina Cardozo e Kátia Cipolli, do Instituto de Tecnologia de Alimentos – ITAL, e por Cicera Araujo, Isabela Custódio e Eduardo Carvalhaes, do Escritório Carvalhaes.

“A qualidade do café do Brasil de 1990 para cá melhorou muito. Antes éramos conhecidos por volume e hoje isso mudou. Temos reconhecimento e maior valor agregado, além de sermos o maior exportador. E isso se dá por concursos como esse da ABIC, que ajuda a comunicar essa variedade e qualidade do café aos consumidores, que juntos contribuem para construir uma nova imagem dos cafés do Brasil”, afirma Eduardo Carvalhaes

Conheça mais sobre os lotes de acordo com suas regiões produtoras:

1 – Planalto Baiano / Chapada Diamantina

MAIOR NOTA NA CATEGORIA ARABICA

Produtor: Antonio Rigno de Oliveira
Propriedade: Chácara São Judas Tadeu
Localidade: Piatã-BA
Altitude média da lavoura: 1320 mts
Espécie:  Arábica
Variedade: Catuaí
Processo: Cereja Descascado

Pontuação ABIC: 8,92
Características: Amendoado, especiarias, cítrico, corpo sedoso delicado
2 – Norte Pioneiro do Paraná

Produtora: Ossi Cruz de Oliveira Lima
Propriedade: Sítio Fortaleza
Localidade: Japira-PR
Altitude média da lavoura: 760 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Arara
Processo: Cereja Descascado

Pontuação ABIC: 8,81
Características: Especiarias, Frutado,  baunilha
3 – Média Mogiana
Produtora: Mariana Martins de Souza
Propriedade: Sitio São José
Localidade: Divinolândia-SP
Altitude média da lavoura: 1280 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Mundo Novo
Processo: Natural

Pontuação ABIC: 8,79
Características: Floral, baunilha, corpo suave e delicado
4 – Montanhas do Espírito Santo

Produtor: Sivanius Kutz
Propriedade:Fazenda Kutz
Localidade: Itarana-ES
Altitude média da lavoura: 1050 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Catuaí Vermelho
Processo: Cereja Descascado

Pontuação ABIC: 8,78
Características: Especiarias, cítrico, acidez marcante
5 – Matas de Minas

Produtora: Altilina Evaristo Barbosa Lacerda
Propriedade: Forquilha do Rio
Localidade: Espera Feliz-MG
Altitude média da lavoura: 1270 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Catuaí 44
Processo: Cereja Descascado

Pontuação ABIC: 8,76
Características: Frutal, Floral, Caramelo
6 – Sul de Minas

Propriedade: Fazenda Sertãozinho Ltda.
Localidade: Botelhos-MG
Altitude média da lavoura: 1280 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Arara
Processo: Cereja Descascado

Pontuação ABIC: 8,74
Características: Achocolatado, Floral, Cítrico, aroma Intenso
7 – Cerrado Mineiro

Produtor: Alexandre Cardoso de Oliveira
Propriedade: Fazenda Amorim
Localidade: Monte Carmelo -MG
Altitude média da lavoura: 904 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Topazio
Processo: Natural

Pontuação ABIC: 8,67
Características: Frutal, Cereal (tostado), amanteigado, aroma Intenso
8 – Região de Pinhal

Produtor: Arnaldo Franco Moraes
Propriedade: Fazenda Santana
Localidade: Santo Antonio do Jardim-SP
Altitude média da lavoura: 850 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Bourbon Amarelo
Processo: Cereja Descascado

Pontuação ABIC: 8,67 Características: Frutas amarelas, ervas, acidez cítrica
9 – Campo das Vertentes

Produtor: Marco Cesar Santomauro
Propriedade: Fazenda Mundo Novo
Localidade: Bom Sucesso-MG
Altitude média da lavoura: 970 mts
Espécie: Arábica
Variedade:
Processo: Natural

Pontuação ABIC: 8,51 Características: Amendoado, acidez cítrica, corpo delicado
10 – Chapada de Minas

Produtor: Sergio Meirelles Filho
Propriedade: Fazenda Alvorada
Localidade: Aricanduva-MG
Altitude média da lavoura: 1020 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Catigua MG 2
Processo: Cereja Descascado

Pontuação ABIC: 8,51
Características: Achocolatado, Frutal, Amendoado
11 – Mantiqueira de Minas

Produtor: Cléverson de Cássio Fagundes
Propriedade: Sítio Pinhalzinho do Fagundes
Localidade: Natércia-MG
Altitude média da lavoura: 1140 a 1300 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Mundo novo , Catuaí   e Bourbon
Processo: Natural
Pontuação ABIC: 8,15
Características: Herbal, aroma Intenso, Encorpado
12 – Planalto Baiano / Vitória da Conquista

Produtora: Ana Marilu Ribeiro Fontes Sousa
Propriedade: Agricola Alto da Serra Ltda.
Localidade: Encruzilhada-BA
Altitude média da lavoura: 900 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Catuaí 144, Catuaí, Acuãn, Icatu, Bourbon
Processo: Cereja Descascado

Pontuação ABIC: 7,79
Características: Amendoado, aroma Intenso, e Sabor Intenso
13 – Vale do Paraíba

Produtor: Paulo Roberto dos Santos
Propriedade: Fazenda Florença
Localidade: Valença-MG
Altitude média da lavoura: 540 mts
Espécie: Arábica
Variedade: Catuaí Typica
Processo: Natural

Pontuação ABIC: 7,75 Características: Cereal (tostado), Fermentado, Sabor Intenso
A – Matas de Rondônia
MAIOR NOTA NA CATEGORIA CANEPHORA

Produtor: Alex Marques de Lima
Propriedade: Chácara Esperança
Localidade: Alto Alegre-RO
Altitude média da lavoura: 400 mts
Espécie: Canephora
Variedade: Robusta Amazônico
Processo: Natural

Pontuação ABIC: 7,73
Características: Fermentado, Herbal – Fermentado, achocolatado, Aroma e sabor intensos
B – Conilon Capixaba

Produtor: Luiz Claudio de Souza
Propriedade: Sitio Grãos de Ouro
Localidade: Muqui-ES
Altitude média da lavoura: 600 mts
Espécie: Canephora
Variedade: Conilon Vitória
Processo: Natural

Pontuação ABIC: 7,70
Características: Aroma e sabor de frutas amarelas. Doce. Encorpado.

Premiação

Os produtores campeões e as empresas que investirem em qualidade no leilão serão premiados em cerimônia a ser realizada no dia 15 de abril, na sede da Confederação Nacional da Indústria – CNI em Brasília-DF. Os lances serão premiados em três categorias:

  • Categoria Ouro arábica Maior valor de aquisição por saca – Será considerado o maior valor pago por saca adquirida, de café da espécie Coffea arábica, natural ou  descascado.
  •  Categoria Ouro canephora – Maior valor de aquisição por saca – Será considerado o maior valor pago por saca adquirida, de café da espécie Coffea canephora , natural ou descascado.
  •  Categoria Diamante – Maior investimento em qualidade – será considerada o valor resultante do investimento total da empresa no leilão para aquisição de cafés de alta qualidade, calculado pelo produto do número de sacas adquiridas vezes o valor unitário oferecido.

Leilão

Para participar do leilão, basta acessar a página www.abic.com.br/concursonacional/leilao, preencher a ficha de lance comprador, selecionar o(s) lote(s), quantidade(s) e valor(es) desejado(s) e realizar a(s) oferta(s).

Em caso de dúvidas ou necessidade da ficha de lance em outro formato, basta enviar a solicitação para junior@abic.com.br.

Compartilhar:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *