Dia do Café: quais os segredos para ter uma bebida ainda mais saborosa?

coffee-171653_1280

A população brasileira consome, em média, de três a quatro xícaras por dia

Por Marcela Del Nero/Ana Maria/UOL

A população brasileira consome, em média, de três a quatro xícaras por dia
Uma xícara de café feita com nossas dicas pode ficar ainda melhor. – Christoph/Pixabay

De tão amado pelos brasileiros, você sabia que o café só fica atrás da água entre as bebidas mais consumidas aqui no país? É o que descobriu uma pesquisa levantada pela Jacobs Douwe Egberts (JDE), instituição dona das marcas Pilão e L’OR.

Isso porque, em média, a população brasileira consome de três a quatro xícaras de café diariamente, sendo que a bebida está presente em 98% dos lares. Mas será que que você está aproveitando todo o sabor que ele pode oferecer?

AnaMaria Digital conversou com especialistas no assunto e separou dicas para você aproveitar ainda mais a bebida.

NA HORA DA COMPRA

É importante ficar de olho na embalagem do produto. Busque sempre saber qual a região de origem, o nome do produtor e se possível, o tipo de grão. “Quanto mais informações sobre o café você tiver em mãos melhor”, explica Vivian Fonseca, especialista em café da rede Starbucks.

GUARDE CORRETAMENTE

O pó de café normalmente precisa “lutar” contra três vilões: umidade, luminosidade e oxigênio. Por isso, guarde-o em um local fresco e seco, como um armário. E esqueça essa ideia de colocar na geladeira. 

“Apesar de ser um local protegido, o café pode ter seu aroma misturado ao de outros alimentos, como a cebola, por exemplo. Além disso, o choque térmico ao deixar o refrigerador também traz umidade ao pó”, esclarece o barista da Unique Cafés Especiais, Gabriel Guimarães, vencedor do prêmio “Coffee in Good Spirits” no Campeonato Brasileiro de Barismo da Associação Brasileira de Cafés Especiais.

Assim, a melhor forma de manter o frescor do café é armazená-lo na própria embalagem: “Enrole o excedente do laminado, prenda-o com um elástico retirando todo ar. Também prefira versões menores das embalagens para manter o frescor do produto”, recomenda.

IMPORTÂNCIA DA ÁGUA

Você sabia que existe uma temperatura ideal para não queimar o pó? Ela fica entre 90 e 96ºC. Vivian ainda ressalta que é importante usar sempre o tipo mineral ou filtrada sem cloro, justamente para deixar a o sabor do café inalterado.

Outra dica dada por Gabriel é utilizar água que tenha um pH neutro, isto é, entre 6,5 e 7,0. É possível saber qual o da sua casa, caso use filtro na torneira, por meio da conta de água. “Além disso, é necessário prestar atenção na composição química calculada, descrita no rótulo da água mineral que você compra, e que não deve ultrapassar o valor de 90 mg/l”, informa.

FILTRADO OU PRENSA?

Tudo depende do seu gosto! No entanto, a profissional Vivian explica que o preparo com uma prensa francesa preserva os óleos naturais do café, algo que o filtro de papel absorve, proporcionando ainda uma consistência mais densa e rica.

PROPORÇÃO CORRETA

A especialista explica que se você optar pelo café coado, é recomendado que utilize 10g de café (2 colheres de sobremesa) para cada 100ml de água. Se você prefere preparar seu café numa prensa francesa, use 10g de pó (2 colheres de sobremesa) para cada 180ml de água. 

XÔ, GARRAFA TÉRMICA!

O utensílio até pode ajudar a manter o café quentinho durante o dia, mas Gabriel informa que ao unir o calor da bebida, sua umidade e dulçor (mesmo sem açúcar), o líquido pode fermentar. “A garrafa térmica pode ser útil apenas para armazenar o Cold Brew, que é o café servido gelado”, indica.

Compartilhar:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *