Aplicação de modelos preditivos na torra do café

Workshop de Ensei Neto explicou a importância de todas as etapas da torra, assim como a análise de dados gerados para a previsão e repetição de melhores resultados. Por Milena Prado das Neves

modelos-preditivos

“Aplicação de modelos preditivos na torra de café” foi um dos temas do workshop ministrado no último dia da Arena do Conhecimento, por Ensei Neto, consultor especializado em Gestão Sensorial e Aprimoramento de Alimentos e Bebidas, principalmente café, cacau e chocolate, cachaça e produtos fermentados. No curso, o engenheiro químico especialista em tecnologia de alimentos aplicou uma visão moderna e inovadora sobre a torra do café e a interpretação de dados para a composição de um modelo preditivo do processo.

Com expertise em ministrar cursos avançados de Educação Sensorial, Avaliação de Café e Ciência da Torra do Café, Ensei comentou sobre as etapas da torra: tanto a física quanto a química. Na primeira, o café desidrata devido à evaporação da água com o calor. E é nessa fase que todos os grãos se uniformizam e ocorre a manipulação dos voláteis, produzindo os aromas. “A segunda, química, costumo dividir em duas partes: na primeira, quando ocorre a quebra do amido; e na segunda, quando acontece a pirólise”, explicou.

Falando passo a passo sobre o processo de torra, Ensei desmistificou muitos dos termos e etapas, até chegar à importância dos dados para a predição. “Para que a gente possa prever, precisamos documentar dados e analisá-los por um período. Em uma fazenda de café, por exemplo, se você instala sensores e acompanha os dados do clima, temperatura e umidade ao longo de um ano, consegue iniciar uma previsão para os períodos que virão, se preparando melhor. O mesmo deve acontecer no processo de torra: analisar o café e todos os dados possíveis de cada etapa e processo”, comentou Ensei.

Para extrair o melhor do café, é preciso atenção em todas as fases. Observando, anotando, analisando as reações em cada situação e seus resultados é possível a realização da predição, possibilitando a repetição da receita de sucesso de um bom cafezinho!

Compartilhar:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *