Cadeia produtiva do café se reúne com secretário Halum

WhatsApp Image 2020-07-03 at 15.46.42 (1)

Nessa quinta-feira, 2 de julho, por iniciativa do Conselho Nacional do Café (CNC), o setor privado da cafeicultura brasileira se reuniu com o novo secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), César Halum, na sede da Pasta, em Brasília (DF).

“Tratou-se de uma visita de cortesia, para podermos apresentar a representação de nosso setor, bem como a composição e a importância da parceria público-privada dentro do Conselho Deliberativo da Política do Café (CDPC)”, revela Silas Brasileiro, presidente executivo do CNC.

Também participaram do encontro o presidente da Cooperativa dos Cafeicultores da Zona de Varginha (Minasul) e conselheiro do CNC, José Marcos Magalhães; o diretor de Relações Institucionais da Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel (Abics), Aguinaldo Lima; o Diretor Executivo da Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic), Celírio Inácio da Silva; e o diretor do Departamento de Comercialização e Abastecimento do Mapa, Silvio Farnese.

Na ocasião, o Diretor Executivo da ABIC, Celírio Inácio (dir.), presenteia o Secretário César Halum (esq.)

“Na oportunidade, todos os participantes apresentaram as suas entidades, expondo ao secretário Halum a estrutura da cadeia produtiva do agro café, destacando, ainda, a coesão das ações e a sinergia existente entre os segmentos, o que faz da cafeicultura brasileira a mais sustentável e competitiva do mundo”, conclui o presidente do CNC.

REPASSES DO FUNCAFÉ — Nesta semana, conforme apuração do CNC, o Ministério da Agricultura publicou no Diário Oficial da União a assinatura de mais dois contratos entre a Pasta e as instituições financeiras Sicoob Credinter e Banco MUFG, liberando mais R$ 84 milhões do Fundo. Com isso, os repasses aos agentes totalizam R$ 2,734 bilhões, ou 47,9% do total de R$ 5,71 bilhões disponíveis à safra 2020.

Fonte: Ascom CNC

Compartilhar:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *