Café Quentinho promove ação solidária para estimular a doação de sangue em Rondônia

Em apoio ao Mês de Conscientização para a Doação de Sangue, a empresa, que é associada à ABIC, presenteou cada doador com um pacote de café

imagem homem associado abic café quentinho
08/07/2021
Publicado em

Café é sinônimo de sabor, de energia, de acolhimento, daquele cheirinho característico do grão e de momentos em família. Porém, ele também pode significar solidariedade. Afinal, foi esse sentimento que motivou José Iovan, Conselheiro da Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC) em Rondônia e fundador do Café Quentinho, a firmar uma parceria com o Hemocentro Regional de Ji-Paraná (Hemojipa), localizado na cidade de Ji-Paraná (RO), para estimular a doação de sangue no local. 

O projeto surgiu após o empresário ouvir uma entrevista da Assistente Social do Hemojipa, Jucicleide Araujo, na rádio, na qual ela falava sobre o estoque baixo de sangue e de medula óssea da unidade, bem como a importância da campanha Junho Vermelho. Motivado pelo tema, ele decidiu entrar em contato com a profissional e sugerir a disponibilização de um pacote de café para cada voluntário que fizesse a doação de sangue.

A ideia foi um sucesso. Além de despertar o interesse sobre o assunto nos moradores de Ji-Paraná (aproximadamente 132.667 habitantes), segunda cidade mais populosa de Rondônia, a parceria resultou em mais de 300 bolsas de sangue coletadas, o que regularizou o estoque do hemocentro. A comoção foi tanta que a cidade vizinha mandou um ônibus cheio de doadores para contribuir.

Ação social gera visibilidade para a marca

“Gostaria de dizer aos nossos parceiros industriais de café que uma ação simples como essa pode ajudar a salvar vidas. Teve baixo custo e ajudou muito a aumentar a visibilidade da minha empresa e também do café, que já é um símbolo de aconchego, união e que nos proporciona bons momentos de alegria. Estimulo que todos embarquem nessa onda!”, afirma José Iovan.

Jucicleide conta que a ação foi muito efetiva e que despertou o espírito solidário dos moradores: “O brasileiro é solícito por natureza, apaixonado por promoções e brindes. Com o doador de sangue, não é diferente. Alguns vinham doar e já falavam em ganhar o pacote de café. Outros não sabiam da ação e ficaram extremamente surpresos e felizes quando receberam o brinde. Doar sangue é mais que um ato de amor. Trata-se de solidariedade e altruísmo. Sangue é vida”.

O hemocentro de Ji-Paraná não foi o único beneficiado pela campanha. O Café Quentinho recebeu muitos elogios pela iniciativa, o que contribuiu para aumentar o número de seguidores da marca nas redes sociais e proporcionar menções em programas da televisão aberta no estado. Ademais, o produto ganhou ainda mais consumidores, já que alguns não o conheciam e aprovaram a sua alta qualidade.

A ABIC apoia a campanha de doação de sangue. Doe sangue! Doe vida!

Acesse o link para mais informações sobre o café!

Redação: Usina da Comunicação

Compartilhar:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *