Lojas fechadas da Starbucks não afetam onda positiva do café

starbucks

Nem mesmo o fechamento de unidades da Starbucks nos Estados Unidos e no Canadá consegue desacelerar o rali do café, já que possíveis gargalos de fornecimento se sobrepõem às preocupações com a demanda.

Com mais medidas de bloqueios em vários países e muitas pessoas em casa, crescem os temores de que problemas de mão de obra e logísticos interrompam o fluxo de grãos.

O café arábica para entrega em maio era negociado em Nova York com ganhos pelo quinto dia seguido e rumo à cotação mais alta desde o início de janeiro.

O café desafia a onda vendedora global provocada pelo surto de coronavírus, em parte devido a sinais de que traders têm incentivado consumidores a garantir suprimentos antes de possíveis interrupções.

Compartilhar:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *