Probat Leogap

Para Paulo Sérgio Kleinke, diretor geral da Probat Leogap, estar no Encafé é uma enorme satisfação. É tão positivo para a empresa, que mais uma vez montaram uma grande cafeteria no espaço do estande, onde serviram durante os quatro dias de evento deliciosos cafés. “Acredito que repetimos a cafeteria pois torna-se um ponto de encontro do evento. E para nós é muito importante, pois somos vistos e a receptividade dos clientes é sempre muito boa! Claro, aparecem novas oportunidades de contrato e é também um meio de concluir os negócios que já estavam em andamento, mas, mais do que isso, é uma oportunidade de estreitar o relacionamento com todos os players do setor”, afirma Kleinke.

Para esse ano, a empresa trouxe muitas novidades tecnológicas, como o equipamento Px 120, que é totalmente eletrônico. “Seu comando se dá por um software, via nuvem, ou seja, permite que seja operado de qualquer lugar. É possível acompanhar e medir as características da torra. E a máquina consegue repetitividade da torra de 100% em aroma, cor e umidade”, explica. Outro produto que Paulo destaca é o equipamento industrial para 2.750 quilos. Essa máquina pode ser trabalhada com ou sem recirculação de gases, o que permite melhor rendimento. “É um produto produzido para o mercado mundial”, afirma.

E as boas novas não param por aí. A Probat Leogap também mostrou aos participantes do 27º Encafé a linha turbo, com um novo sistema de automação e controle, com os tradicionais cilindros, mas com um software inovador, além do novo medidor de cor para laboratório, o Colorette 4. Esse último faz uma relação entre as escalas mais lidas de cor e a escala própria, ou seja, faz uma correlação entre as escalas de leitura.

Compartilhar:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *